“Feliz no Real Madrid”, Kroos nega saída por atrito com Guardiola

O meia alemão disse que aprendeu com Guardiola e que sua escolha pelo Real Madrid foi técnica

Jogador em sua apresentação no Bérnabeu Jogador em sua apresentação no Bérnabeu

Um dos reforços mais caros do Real Madrid para a temporada de 2014/15, o alemão Toni Kroos negou os boatos de que teria deixado o Bayern de Munique por causa de atritos com o técnico Pep Guardiola. Seguindo uma linha totalmente contrária, o campeão do mundo encheu o catalão de elogios e disse que foi ele quem o fez evoluir em seu futebol.

"Ele aperfeiçoou meu jogo. Sair do Bayern de Munique não teve nada a ver com ele. Entendemos o futebol de maneira igual. Ele afinou meu jogo e me fez evoluir", disse ao jornal Bild.

Kroos aproveitou para afirmar que está muito feliz no Real Madrid. Ao lado do colombiano James Rodríguez, o alemão chegou à equipe com status de ídolo. Ele, inclusive, tirou o espaço do volante Xabi Alonso na equipe titular.

"Eu acertei em vir para o Real. Estou 100% satisfeito. Quando penso na minha apresentação no Santiago Bernabéu, com 20 mil torcedores nas arquibancadas, apesar de eu não ter jogado nem um segundo... Tal coisa é impensável na Alemanha. Na Espanha a mentalidade dos torcedores é ainda mais emotiva. Falamos de duas das maiores equipe do mundo, mas acho que, globalmente, o Real está um passo à frente", completou.

Últimas notícias

Valencia tentará acerto com Victor Valdés

O goleiro ex-Barcelona, que permaneceu por bastante tempo no banco do Manchester United, poderá retornar à Espanha, e defender a equipe do Valencia

Wellington Paulista chega animado a novo clube

O jogador que se destacou jogando na posição de centroavante, mas não descarta atuar pelos lados com a camisa do Fluminense

Soldado poderá ocupara a vaga deixada por Carlos Bacca no Sevilla

O atacante espanhol que não está passando por um bom momento no Tottenham, poderá retornar ao seu país para substituir o colombiano

PSG engrossa briga por Dí Maria

Após o Manchester United recusar a primeira proposta feita pelos franceses, os dirigentes decidiram adicionar 10 milhões de euros na oferta

Wayne Rooney poderá disputar a Major League Soccer futuramente

O jogadar britânico que é ídolo da equipe do Manchester United, poderá ter seu fim de carreira atuando na liga dos Estados Unidos

Não perca nenhuma publicação! X

"Me curta" no Facebook
Siga-nos no Twitter