Insatisfeito com a reserva no Arsenal, Podolski deixa em aberto possível saída em janeiro

O atacante alemão mostrou irritação ao falar de Arsène Wenger

    Campeão do Mundo com a Alemanha o atacante não se diz feliz no Arsenal Campeão do Mundo com a Alemanha o atacante não se diz feliz no Arsenal

    Lukas Podolski deu uma clara indicação de que ele pode sair do Arsenal em janeiro. Concentrado com a seleção da Alemanha, que enfrenta Gibraltar na sexta-feira, o atacante deu uma entrevista publicada do jornal britânico Daily Mail, admitindo não estar feliz com a reserva no clube.

    “É claro que não estou feliz com minha situação no momento”, admitiu o alemão. “É duro você não poder fazer o que ama. Eu não posso ficar satisfeito com isso.”, desabafou Podolski, que também afirmou não saber o motivo de ter tão poucas oportunidades.

    “Eu não o porquê disto. Você terá que perguntar ao meu técnico na Inglaterra (Arsène Wenger). Não dá para dizer se eu estou jogando mal se eu não tenho uma chance sequer. Se você só jogar por 8 ou 10 minutos fica difícil entrar no ritmo”, disse. E ao ser peguntado sobre a possibilidade de sair para conseguir jogar mais minutos, o jogador foi enfático. “Vamos ver o que acontece em janeiro”.

    Na sua terceira temporada como jogador do Arsenal, Podolski só jogou uma partida como titular, na derrota para o Southampton na Copa da Liga Inglesa quando os Gunners atuaram com um time misto.

    Últimas notícias

    Valencia tentará acerto com Victor Valdés

    O goleiro ex-Barcelona, que permaneceu por bastante tempo no banco do Manchester United, poderá retornar à Espanha, e defender a equipe do Valencia

    Wellington Paulista chega animado a novo clube

    O jogador que se destacou jogando na posição de centroavante, mas não descarta atuar pelos lados com a camisa do Fluminense

    Soldado poderá ocupara a vaga deixada por Carlos Bacca no Sevilla

    O atacante espanhol que não está passando por um bom momento no Tottenham, poderá retornar ao seu país para substituir o colombiano

    PSG engrossa briga por Dí Maria

    Após o Manchester United recusar a primeira proposta feita pelos franceses, os dirigentes decidiram adicionar 10 milhões de euros na oferta

    Wayne Rooney poderá disputar a Major League Soccer futuramente

    O jogadar britânico que é ídolo da equipe do Manchester United, poderá ter seu fim de carreira atuando na liga dos Estados Unidos

    Não perca nenhuma publicação! X

    "Me curta" no Facebook
    Siga-nos no Twitter