Presidente do Real Madrid explica saída de Di María: 'Não aceitou nossa melhor oferta'

Florentino Pérez comentou sobre a venda de Ángel Di María

Dí Maria foi vendido por cerca de 75 milhões de euros Dí Maria foi vendido por cerca de 75 milhões de euros

A transferência de Ángel Di María ao Manchester United criou desconforto em Madri devido à questionável política de mercado do Real Madrid. Ao contratar Toni Kroos e James Rodríguez para o meio-campo, os merengues não fizeram muito esforço para manter o argentino, que rumou à Inglaterra. Mas, segundo o presidente Florentino Pérez, a transação só aconteceu por expressa vontade do jogador.

Cuidando para não criar um "perigo para a estabilidade financeira do clube", Florentino Pérez optou por vender Di María por 75 milhões de euros (R$ 217 milhões, aproximadamente), valor considerado "justo" pelo presidente. Além desta negociação, o Real Madrid ainda vendeu o volante Xabi Alonso, que, de acordo, com o presidente também desejava sair.

Campeão europeu na última temporada, o Real Madrid surpreendeu ao desfazer de peças essenciais. O posicionamento foi questionado pelo craque Cristiano Ronaldo, que mesmo sem criticar, criou certo desconforto nos bastidores merengues. De qualquer modo, o presidente ignorou a polêmica por acreditar que a lealdade do camisa 7 é "inquestionável".

Últimas notícias

Valencia tentará acerto com Victor Valdés

O goleiro ex-Barcelona, que permaneceu por bastante tempo no banco do Manchester United, poderá retornar à Espanha, e defender a equipe do Valencia

Wellington Paulista chega animado a novo clube

O jogador que se destacou jogando na posição de centroavante, mas não descarta atuar pelos lados com a camisa do Fluminense

Soldado poderá ocupara a vaga deixada por Carlos Bacca no Sevilla

O atacante espanhol que não está passando por um bom momento no Tottenham, poderá retornar ao seu país para substituir o colombiano

PSG engrossa briga por Dí Maria

Após o Manchester United recusar a primeira proposta feita pelos franceses, os dirigentes decidiram adicionar 10 milhões de euros na oferta

Wayne Rooney poderá disputar a Major League Soccer futuramente

O jogadar britânico que é ídolo da equipe do Manchester United, poderá ter seu fim de carreira atuando na liga dos Estados Unidos

Não perca nenhuma publicação! X

"Me curta" no Facebook
Siga-nos no Twitter